Anúncio do topo

Leilões de usinas da Renuka terminam sem lances, mais ainda existe uma luz no fim do túnel.

...

Os leilões judiciais para venda de duas usinas de cana-de-açúcar da Renuka nos Estados de São Paulo e Paraná terminaram sem lances, e a empresa pode agora ir à falência, disse à Reuters uma fonte que acompanhou os certames.
Entretanto, a fonte, que pediu anonimato, comentou que após o leilão, o Grupo Teston fez uma proposta, via petição nos autos da recuperação judicial, pela unidade Vale do Ivaí, no Paraná.
A validação dessa proposta teria de ser dada pelo juiz responsável pelo caso.
Conforme a fonte, novas assembleias de credores podem ser realizadas para deliberar sobre o futuro da empresa.
Foram oferecidas nesta terça-feira, sem lances mínimos, as usinas Revati, em Brejo Alegre (SP), e Vale do Ivaí, em São Pedro do Ivaí (PR).
Enquanto a primeira é operada pela Renuka do Brasil, a segunda está nas mãos da Renuka Vale do Ivaí, mas ambas pertencem à indiana Shree Renuka Sugars SRES.NS, que iniciou investimentos no Brasil em 2010 e foi atingida por baixas cotações do açúcar e controle de preços dos combustíveis em governo anteriores.
O endividamento somado das duas beira os 4 bilhões de reais.
A Reuters noticiou, com base em fontes, que o fundo Castlelake, dos EUA, e o Grupo Teston, fabricante de equipamentos agrícolas com operações no Paraná, estariam de olho nos ativos.
Não foi possível encontrar um representante da Renuka para comentar o assunto.

Fonte R7 

Nenhum comentário